Notícias

Newsletter

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

TJ do Rio entrega certificados de qualidade em gestão a 28 serventias

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) fez a entrega, nesta sexta-feira, dia 11, dos certificados do Sistema Integrado de Gestão Administrativa (SIGA) a 28 serventias da capital e do interior do estado. Realizada no auditório Desembargador José Navega Creton, no Fórum Central, a cerimônia contou com a presença do presidente do TJRJ, desembargador Milton Fernandes de Souza, e do corregedor-geral da Justiça, desembargador Cláudio de Mello Tavares. Desenvolvido e implantando pelo Tribunal de Justiça, o SIGA é uma certificação que estabelece e padroniza os procedimentos para execução dos serviços dentro de uma serventia. O objetivo é melhorar a prestação jurisdicional ao cidadão por meio da organização e da normatização das atividades cartorárias. Contribui para aumentar a produtividade no ambiente do trabalho e traz, como benefício direto, a redução do acervo de processos. Atualmente, 217 unidades integram o sistema, o que representa mais de 30% das serventias do TJ. A adesão ao SIGA é voluntária. “O SIGA é um exemplo da excelência dos servidores. Derivado do ISO, é uma criação interna e foi adaptado às necessidades do tribunal para a implementação das rotinas administrativas. O sistema oferece segurança ao servidor, ao advogado e ao cliente. Quero parabenizar a todos, pois é difícil a implementação de rotinas administrativas. É um trabalho de excelência e que tem de ser reconhecido. As nossas ideias refletem em todo o país”, disse o presidente do TJ. Já o desembargador Cláudio de Mello Tavares destacou que “o projeto trouxe benefícios não só para as serventias, tais como aumento na produtividade e redução do acervo cartorário, mas, também, para o servidor, para sua autoestima e comprometimento, além de permitir maior integração e, consequentemente, troca de experiências”. O corregedor-geral da Justiça também parabenizou os servidores. “Uma vez ressaltada a importância do SIGA como uma ferramenta que estimula a melhoria contínua dos serviços prestados à sociedade, gostaria de parabenizar todos os envolvidos e as unidades certificadas. A jornada humana é uma sucessão de etapas que se superpõem, as quais nos cabe conduzir. Esta cerimônia é o justo reconhecimento dos seus esforços”, concluiu Cláudio de Mello Tavares. As serventias são fiscalizadas regularmente por auditores na avaliação do cumprimento dos procedimentos administrativos. A implementação do sistema, que começou em 2008, contou com uma evolução na adesão pelas serventias. A informação foi da diretora-geral do Departamento de Gestão Estratégica e Planejamento, Michele Vieira, ao fazer um comparativo nos últimos anos. Segundo ela, as 640 unidades poderão integrar o SIGA. O presidente do TJRJ, desembargador Milton Fernandes de Souza, fez a entrega do certificado aos representantes da 2ª Vara Cível de Angra dos Reis, juiz Ivan Pereira Mirancos Júnior, e a chefe da serventia, Adriana Aparecida de Castro Silva. O corregedor-geral da Justiça, desembargador Cláudio de Mello Tavares, entregou os certificados aos representantes do Juizado Especial Cível de Angra dos Reis, juiz Carlos Manuel Barros do Souto, e a chefe da serventia, Maria Ângela Silva. Foram também contemplados com o certificado unidades do 1º Núcleo Regional: 1ª Vara Empresarial; 18ª, 28ª, 35ª e 38ª Varas Cíveis; 28ª e 29ª Varas Criminais; o IV Juizado Especial Cível da Capital e a Secretaria das Turmas Recursais dos Juizados Especiais. Do 4º Núcleo Regional, receberam os certificados a 2ª Vara Cível de Duque de Caxias; a 1ª Vara Cível de Nilópolis e o Juizado Especial Adjunto de Queimados. Do 7º Núcleo Regional, foi a 1ª Vara de Vassouras. Do 8ª Núcleo Regional, além do Juizado Especial Cível e da 2ª Vara Cível de Angra dos Reis, foram certificados a Vara Única, o Juizado Especial Adjunto Cível, o Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e Especial Adjunto Criminal, todos de Mangaratiba; o Juizado Especial Adjunto Cível, o Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e Especial Adjunto Criminal e a Vara Única, estes de Paraty. Do 12º Núcleo Regional, foram certificados a 3ª Vara Cível de Madureira e o 13º Núcleo Regional, a 7ª. Vara Cível de Campo Grande, o II Juizado Especial Cível da Barra da Tijuca e o IX Juizado Especial Criminal da Barra da Tijuca. Participaram ainda da solenidade os juízes auxiliares da Presidência do TJ Gilberto de Mello Nogueira Abdelhay Junior e Fábio Porto, e o juiz auxiliar da Corregedoria Geral da Justiça, Luiz Umpierre de Mello Serra, além de magistrados e servidores. PC/SP Foto: Luiz Henrique Vicent
11/05/2018 (00:00)
Visitas no site:  76950
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia